VIVER MUITO PARA QUÊ?

 O que vale não é o quanto se vive…mas como se vive..

Nós que fazemos parte da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia – SBGG, lutamos durante décadas para que o idoso brasileiro possa gozar dos seus direitos e viver bem. Sabemos porém que não é a quantidade de vida que dá qualidade de vida, mas sim, a qualidade de vida dá uma boa vida saudável.
Guilherme Falcão
Daí este pensamento de Martin Luther King, expressar bem a nossa preocução, não é só o tempo de vida, mas, que diferença eu faço no meu viver, isto sim vai fazer uma grande diferença. Que sentido eu dou a minha vida? Sou solidário ao meio em que estou vivendo?
Guilherme Falcão
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s